VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Número de vítimas fatais em acidentes no trânsito crescem em São Roque



Balanço apresentado pelo Movimento Paulista de Segurança no Trânsito apresenta um aumento de 240% nas mortes por acidentes no município de São Roque no ano de 2017.

Em 2016 foram 12 vítimas fatais nas ruas e estradas que cortam nossa cidade, já no ano passado os acidentes de trânsito produziram 29 mortes.

Destes 29 óbitos registrados no município, 16 foram em estradas estaduais, 11 em vias municipais e 2 não existem dados disponíveis.

A maioria dos mortos tinham entre 18 e 39 anos, sendo que 82,76% eram homens e 17.24% mulheres.

Segundo pesquisa do MPST a principal causa das mortes por acidente em nosso município se refere a condução perigosa (9).

Outro dado interessante na amostragem é que a maioria dos acidentes com vítimas fatais acontecem no período noturno e 72,41% das mortes ocorrem nos hospitais, enquanto 24,14% no local do acidente. O Movimento Paulista de Segurança

O Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, programa do Governo do Estado de São Paulo que visa reduzir pela metade as mortes causadas por acidentes até 2020, tem como missão unir esforços e viabilizar iniciativas eficazes para evitar acidentes.

Em parceria com o Detran-SP, foram destinados mais de R$ 110 milhões para custear projetos de 103 municípios onde residem 78% da população de São Paulo.

Em 2016, São Roque passou a integrar o grupo das 15 primeiras cidades que formam a 1ª fase do programa.

Ações recentes como a instalação dos radares em 5 pontos diferentes da cidade fazem parte das iniciativas do programa e visam a redução no número de mortes no trânsito no município.